• Last.fm - 5 years!

    Gen 17 2012, 1:12 di Instantaneo

    Parecendo que não, já lá vão 5 anos desde que descobri esta brincadeira. Parecendo que não, à beira de completar 70.000 músicas, até dá um ritmo engraçado: 38 músicas por dia. 3 álbuns e meio, vá. Sim, mesmo naqueles dias em que não se sai da cama. Ou não se liga o pc.

    Este ano 2011-2012 registou um aumento no total de scrobbles efetuados: +22% do que no período homólogo anterior, o que dá pouco mais de 11.400 músicas ouvidas.

    Foi um ano sui generis: à exceção do estrondoso concerto da ‘One Man, A Thousand Instruments and a Polaroid’ tour com que o David Fonseca nos presenteou, tudo o resto aconteceu… em Julho! Um Super Bock Super Rock em grande (com o pó todo a que tinha direito), um absolutamente fantástico concerto de Jamie Cullum em Cascais e o tão esperado regresso dos Hoobastank a Portugal.

    Nos destaques do ano também há, evidentemente, grandes novidades:

    - Muse: Ok, esta não é definitivamente uma novidade! Pelo terceiro ano consecutivo, foram a banda mais ouvida…
  • SBSR '11

    Lug 22 2011, 0:29 di Ionworm

    Thu 14 Jul – Super Bock Super Rock 2011

    À semelhança do ano anterior, uma review extensiva do evento que este ano nos trouxe um cartaz de topo e milhares à Lagoa de Albufeira.

    1. Localização

    Se muitos discutem o local não ser de todo o adequado dada a única estrada de acesso e o pó constante no recinto, a Música no Coração não foi de facto burra em escolhê-lo. Visto de fora (e até de dentro), a costa da margem sul é um local idílico e próximo da capital: no cimo de um monte repleto de árvores, o recinto, na Herdade do Cabeço da Flauta, é circundado por floresta, a escassos metros da Lagoa de Albufeira (uma alternativa bastante viável e muito mais rápida que o Meco, para quem se dedicasse um pouco à exploração), uma lagoa repleta de parques de campismo e famílias a fazerem piqueniques na praia, que tem o seu inicio no Atlântico. Ao longo da costa, para sul, temos a Aldeia do Meco, para onde os autocarros se dirigiam, e, mais longe, o belo e vertiginoso Cabo Espichel, conhecido pelas suas famosas pegadas de dinossauro.
  • Crónicas de los tres días

    Lug 20 2011, 10:31 di zetxek

  • Rescaldo SBSR 2011

    Lug 19 2011, 18:57 di xadoc

    Thu 14 Jul – Super Bock Super Rock 2011

    Rescaldo,

    Dia 1:

    Tame Impala: o meu concerto favorito do SBSR, estiveram muito bem.

    Nicolas Jar: electrónica com elementos de jazz entre outros, a descoberta agradável do SBSR.

    El Guincho: podia ter visto mais músicas mas não, tinha que ir para Beirut…

    Beirut: obrigado red bull por não me deixares adormecer

    Arctic Monkeys: e com um punhado de boas músicas se dá um bom concerto

    Os Duches: gostei de ver, sabem bem depois de um dia de praia. Havia muita gente para ver esta actuação (inclusive com longas filas de espera para entrar em cena), "Os Duches" interagem bastante com público mas são frios em palco. Já têm longa carreira de festivais mas no SBSR não tiveram bocas para tão grande audiência.

    Lykke Li: ao vivo no meio ali dos pinheiros estão a ver esta senhora de preto a tentar cria um ambientezinho mais vanguardista com umas cortinas pretas e tal? Esquece lá isso, ao ar livre o efeito não é o mesmo.